Navegação – Mapa do site

Museus e participação biográfica (2013)

Call for Papers MIDAS#N3

Anunciamos novo apelo a artigos para o terceiro número da revista MIDAS, que inclui um dossier temático intitulado - Museus e participação biográfica: introduzindo a dimensão pessoal como alternativa à abordagem hegemónica”. Este dossier temático é coordenado por Maria Acaso e Andrea De Pascual, que elaboraram o call que se divulga em baixo. Lembramos que além do dossier temático, aceitam-se propostas para as secções habituais da MIDAS:

  • Artigos (várias áreas)

  • até 6000 palavras

  • Notações – pequenos artigos, notícias sobre projetos, etc. (até 3000 palavras)

  • Recensões críticas: livros ou exposições (até 1500 palavras)

Data limite para o envio de propostas: 6 de setembro de 2013. Este número será publicado em 2014

Os artigos para o dossier temático serão selecionados por Maria Acaso e Andrea de Pascual e os restantes artigos (varia) pelos editores da MIDAS. Os textos devem ser enviados para: revistamidas@gmail.com. Todos os artigos seguem o processo de arbitragem por pares sob duplo anonimato. Mais informações sobre o processo de seleção aqui.

Sobre as normas de publicação consulte o website da revista: http://midas.revues.org/361

“Museus e participação biográfica: introduzindo a dimensão pessoal como alternativa à abordagem hegemónica”

A arte pode ser uma ferramenta para compreender o mundo e o museu um lugar que proporcione experiências através das quais o público cria conexões com a vida. Para o conseguir, a dimensão biográfica deve participar na construção de conteúdos do museu. Através deste call for papers pretendemos que se materializem experiências que estão a ser desenvolvidas neste terreno e que, embora ainda incipientes, consideramos de grande valor para o museu do futuro. Experiências nas quais o museu acolhe novos sistemas de participação através de outros métodos pedagógicos e políticos baseados na introdução da abordagem pessoal como uma alternativa a uma abordagem hegemónica. (Maria Acaso e Andrea de Pascual)

Temáticas a considerar

CONTEÚDOS BIOGRÁFICOS DE CURADORIA DE CIDADANIA

  • As biografias do público como conteúdo

  • As biografias das educadoras como conteúdos

  • Qualquer relato biográfico como conteúdo

METODOLOGIAS DE PARTICIPAÇÃO BIOGRÁFICA

  • Pedagogias críticas

  • Pedagogias regenerativas

  • Pedagogias inclusivas

  • Pedagogias feministas

  • Pedagogias baseadas nos discursos transformativo

  • Outras pedagogias por formular

EXPERIÊNCIAS PARA A PARTICIPAÇÃO BIOGRÁFICA

  • Compreendendo o público como produtor cultural. Teorias

  • Exemplos de introdução do público como construtor de conteúdos do museu

  • Formatos biográficos da visita guiada

  • Formatos baseados na aprendizagem intergeracional a partir do biográfico

OS DEPARTAMENTOS DE EDUCAÇÃO COMO AGENTES DA PARTICIPAÇÃO BIOGRÁFICA

  • A educadora como possibilitadora da mudança entre o hegemónico e o biográfico

Editoras convidadas

Maria Acaso (mariacacaso.es) é professora titular de Educação Artística e directora da linha de investigação sobre Educação em Museus de Artes Visuais na Faculdade de Belas Artes da Universidade Complutense de Madrid. Na qualidade de especialista neste tema tem participado como investigadora convidada no Museu Getty, desenvolveu projectos em diversas organizações culturais como Matadero Madrid e desenhou programas de formação de educadoras para Manifesta 8 e Fundación Telefónica España. Tem sido conferencista convidada em diferentes instituições na Colômbia, Noruega e Portugal. Coordenou o livro Perspectivas. Situación actual de la educación en los museos de artes visuales en España (Ariel, 2011).

Andrea De Pascual é licenciada em Pedagogia e especializada em educação artística. Trabalhou como educadora no Museo Thyssen Bornemisza (Madrid) e coordenou projectos educativos no Círculo de Bellas Artes de Madrid. Colabora em diversos projectos educativos em instituições culturais e museus como o Centro Cultural Matadero Madrid ou o Brooklyn Museum (NYC). Publicou artigos no campo da arte e da educação e é membro activo do grupo Pedagogías Invisibles (pedagogiasinvisibles.com). É atualmente bolseira Fulbrigth na New York University, departamento de Art Education de Steinhardt School of Culture, Education, and Human Development e está a escrever a tese intitulada El museo rizomático: estrategias para la resignificación del público como productor cultural.

  • Logo CHAIA
  • Logo Instituto de História da Arte
  • Logo Cidehus
  • Logo Universidade de Porto
  • Logo CITCEM
  • Logo Museu da Ciência
  • Logo Faculdade de Ciências Sociais e Humanas - UNL
  • Logo FCT
  • Les cahiers de Revues.org